quarta-feira, 16 de março de 2011


"Relacionamentos"
Arnaldo Jabor

"Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim.
Como tudo na vida.
Detesto quando escuto aquela conversa:
- Ah, terminei o namoro...
Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... que pena... acabou...
- é... não deu certo...
Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da
vida, é que você pode ter vários amores.
Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se
somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você
mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos essa coisa completa.
Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.
Tudo junto, não vamos encontrar.
Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.
Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o
papai com mamãe mais básico que é uma delícia.
E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não
bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.
Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito
de não te querer.
Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema
dela, cabe a você esperar... ou não.
Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto.
Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela
volta. Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?
O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique
com alguém por pena. Ou por medo da solidão. 
Nascemos sós. Morremos sós.
Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a
primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.
Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver
só, na sua própria companhia?
Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio,
frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um
outro universo.
E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa
é gente que tem medo de se envolver.
Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não
quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.
Na vida e no amor, não temos garantias.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é
para romancear.
E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar..
Enfim, quem disse que ser adulto é fácil”


10 comentários:

  1. Ser adulto é um saco né miga.Amei o texto1
    bjk

    ResponderExcluir
  2. Oi amada!
    Pois é... Sinto uma saudade danada da minha infância e adolescência...Hehehehe!
    Quanto ao texto, é ótimo, né?
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. É que não é mesmo nada fácil...!
    E não usamos com os outros os mesmos pesos e medidas que usamos connosco!
    Grande texto.

    ResponderExcluir
  4. Esse texto é perfeito!!!!

    Gosto muito das suas escolhas...

    meu carinho!

    Zil

    ResponderExcluir
  5. Te deixarei aqui, eternizado em pequeno detalhe, não querendo chamar atenção, mas não conseguindo evitar, pois sim são rabisco meus, que foram pegos emprestado, de algum lugar, levados em minha memória para falar, ou que estava preso aqui, segurado por instante, para ficar imortal até não mais ser lembrado, apenas versos, não compreendido, de alguém que esta pelo caminho, buscando outro ser para ser ouvido.
    um bom dia...e siga sempre ao caminho todo iluminado pela paz e alegria.

    ResponderExcluir
  6. Olá mfc, olá Zil e olá "Todo mundo..."!

    mfc, grande verdade essa sua...usamos pesos e medidas diferentes conosco e com os outros... Obrigada pela visita querido! Abraços, Déia

    Zil, que bom que gostou do texto. Realmente eu adoro! E fico feliz que aprecie minhas escolhas... Bjs! Déia

    "Todo mundo...", que palavras mais doces e gentis!!! Muitíssimo obrigada! Sinto-me muito feliz com sua visita! Volte sempre! Abraços, Déia

    ResponderExcluir
  7. Adoro esse texto do Arnaldo, me fez compreender melhor um fim de relacionamento que eu tive há alguns anos.

    Bjos Andréia , apareça!

    ResponderExcluir
  8. Oi Nanda tudo bem?
    Pois é, esse texto é mesmo muito esclarecedor...Obrigada pela visita e pode deixar que aparecerei sim. Bjão! Déia

    ResponderExcluir
  9. Ahhh sim minha amiga, ser adulto nao é nada facil... Tem suas vantagens claro, mas nao é nada facil!

    ResponderExcluir
  10. Oi Cami!
    Pois é...bem que meus pais avisaram...hehehehe!
    Bjs q

    ResponderExcluir

"Onde eu não estou
as palavras me acham."
Manoel de Barros

Olá! Fico muito feliz pela sua visita! Responderei ao seu comentário por aqui, portanto volte logo, sim?
Um abraço apertado a todos que por aqui passarem!
Déia
PS: Não esqueça de deixar o link do seu blog no Mural de Devaneios (Mural de Recados) para que eu possa retribuir sua visita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Real Time Analytics